Páginas

TUDO SAIU COMO PLANEJADO

Na escola, enquanto todos sonhavam ser bombeiro ou piloto de avião, ele já ensaiava os primeiros acordes. Na adolescência, foi apresentado ao universo das drogas à medida que a sua música se apresentava aos fãs que começavam a surgir. Mais tarde, conheceu o lado obscuro do sucesso e todas as suas trágicas consequências.

Tudo havia saído como planejado, só restava consumar o fato. “Tudo merece um fim”, era o que ele repetia a si mesmo. Planejou isso desde a infância, quando nasceu o desejo de fazer da sua vida uma curta e intensa trilha sonora. Seus ídolos tiveram um fim, agora, havia chegado sua vez. Nada mais importava: seus amigos, sua família, sua filha, sua música... Nada mais importava. Havia chegado sua vez.

Ele acorda. Anda até a garagem. Escreve sua despedida com tinta vermelha. Injeta a última dose. Carrega a arma. Engole o cano. Puxa o gatilho e deixa milhares de fãs órfãos da sua música. Tudo saiu como o planejado.

Felipe Attie

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MAIS LIDAS!